A cesariana que acontece durante o trabalho de parto, não tem qualquer relação com a cesariana programada, com ou sem indicação médica. O facto de, de alguma maneira, o bebé “estar sendo avisado que vai nascer” promove mudanças importantes no seu organismo como p. ex a produção de cortisol responsável pelo amadurecimento de alguns órgãos do bebé, a produção de ocitocina, a hormona do amor, responsável pela proteção das células cerebrais do bebé diminuindo a sua sensibilidade às baixas de oxigénio, vinculação mãe/bebé, entre outras coisas (ver “A dança das Hormonas”) XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

A cesariana é um procedimento cirúrgico originalmente desenvolvido para salvar a vida da mãe e/ou da criança, quando ocorrem complicações durante o parto. É, portanto, um recurso utilizado em situações de urgência, quer por risco materno, quer por risco fetal ou de ambos.

Como qualquer procedimento cirúrgico, a cesariana como cirurgia que é, não é isenta de riscos, acarreta maior morbilidade e mortalidade quando comparada ao parto vaginal.

Se já estiver com cateter de analgesia epidural, provavelmente usará a mesma via para a anestesia epidural (a diferença vai estar na dose do anestésico usado que será maior). Quando a cesariana é de emergência e não há tempo desta dose maior fazer o efeito anestésico, opta-se pela anestesia geral cuja instalação é imediata. A desvantagem é que estará a dormir e não vai ver o seu bebé nascer.

Durante o procedimento a sensação de tato persiste – vai sentir mexer, pressionar… como a anestesia no dentista, mas não deverá sentir qualquer dor.

Às vezes pode ter tremores e até uma sensação de mal-estar, náuseas ou vómitos que são sintomas facilmente revertidos com uso de medicação própria.

Os riscos e as complicações das cesarianas serão discutidas na secção de “cesariana programada” XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

A escolha de qualquer intervenção médica, em termos éticos, deve basear-se no resultado da equação riscos e benefícios.

...

Ler mais >

Alguma dúvida ou necessidade de ajuda, poderá sempre entrar em contacto connosco

por correio eletrónico geral@planodeparto.pt ou através do formulário abaixo.

FALE CONNOSCO

Toda sugestão ou comentário a respeito do nosso conteúdo são bem-vindos.


Agradecemos que nos envie pelo correio eletrónico geral@planodeparto.pt.

Parceiros